O isolamento social afetou a vida de todos por completo e, obviamente, no sexo este impacto foi ainda mais forte. Na busca por soluções para manter acesa a chama do desejo e dar vazão ao prazer, um dos caminhos mais procurados tem sido os aplicativos de encontros virtuais, e com isso, cresceram também o interesse no sexting e a necessidade de melhorar a performance nesta nova modalidade de sexo por telefone.

Ainda mais nestes dias (e noites) em que até casais com relacionamento estável ficam separados por dias e até semanas por conta das medidas de prevenção e combate à pandemia, sem falar nos casos em que os contatos imediatos já tinham se iniciado, mas ainda não tinham atingido o tão esperado “terceiro grau”.

Não sabe como fazer? O que dizer?

Vamos dar umas dicas para você. Lembre-se: em matéria de sexo, ao vivo ou a distância, não tem receita, nem certo e nem errado. Cada transa começa de um jeito e rola de acordo com quem está “jogando”. Na dúvida, lembre-se: nada de pressa, nada de objetivos pré-estabelecidos. Insinuação, sugestão, são armas infalíveis para aguçar a curiosidade, estimular a fantasia e atiçar o desejo.   

1- Testando e preparando o terreno.

A menos que você e quem estiver do outro lado da linha já se conheçam ou já tenham feito sexting antes, comece por mudar aos poucos o tom da conversa. Fale de estar só, que sente falta  de um abraço, um olhar, sentir a pele e o calor de alguém especial. Elogie a voz da outra pessoa ou diga o quanto é bom estar naquele momento com ela. É a hora de dar sinais, jogar  iscas e de perceber e recolher os sinais e iscas que estão sendo mandados para você. Se o clima estiver esquentando e começar a sentir arrepios ou pulsação mais acelerada, é porque você está no caminho certo.

2) A linguagem.

Quando perceber que o sexo já está no ar e que os dois lados estão a fim ‘jogar’ é hora de acelerar, dar sinais ainda mais claros. Abuse de palavras e frases de duplo sentido, fale das sensações físicas que a conversa está despertando em seu corpo. Passe a usar palavras mais picantes, “safadas”.  Não há problema em usar frases feitas, o segredo está no timming, no momento e no modo como você diz: “eu queria muito que você estivesse aqui”. Se foi a outra pessoa que disse isso, devolva a jogada: “Por que você gostaria que eu estivesse aí?” ou “Se eu estivesse com você agora, o que estaríamos fazendo?”, “O que você está vestindo?”.  Pense neste momento como o início das preliminares. A esta altura você já deu e recebeu sinais, então cada lado já sabe com quem está jogando.

3) As preliminaries do sexting.

As preliminares durante o sexo por telefone são super importantes. Exatamente como no sexo presencial. Seja sutil, descreva sensações, o que você está fazendo em seu corpo ou gostaria de fazer no outro. De preferência fale pausadamente, sem falar demais. Deixe a outra pessoa usar a imaginação. Sussurros, gemidos, suspiros podem dar ótimos resultados. Seja natural, nada de exageros que soem “fake”.

Experimente:

“Hummm.,, Você está me excitando…,  sinto suas mãos percorrendo minha pele, sentindo meu corpo… ”

“Agora estou me tocando bem aqui.. você gosta?”

4)  Chegando ao platô.

É quando um ou os dois lados estão a ponto de atingir o orgasmo. Solte-se, entre de vez no clima. Nada melhor do que dizer abertamente o que você queria fazer ou queria que fizessem com você agora. Muito estilo, pouco juízo e sem censura. Sabendo como dizer, não tem palavra feia: duro, grande, molhada, quente, chupa, enfia, goza podem ser perfeitas e até decisivas. Veja os exemplos abaixo e lembre-se: é como você diz que importa.

“Estou tão molhada agora e quero que você…..”

“Eu quero cada pedacinho do…”

“Eu poderia passar horas chupando seu…”

5) Indo mais fundo.

Há diferentes formas de ir mais fundo. Tudo depende do ponto de intimidade, do grau de conhecimento e confiança. Você pode enviar fotos e vídeos que excitam você. Se se sentir à vontade, pode enviar ou pedir  fotos de partes do corpo (pênis, vagina, nuca, seios, bunda..) ou mesmo fotos e vídeos do que você ou a outra pessoa estão fazendo naquela sessão de sexting.

Observação importante: apenas troque fotos privadas com alguém em quem você confia e lembre-se sempre de deixar seu rosto de fora.