Muitas mulheres não têm orgasmo apenas com a penetração – algumas preferem sexo oral ou a estimulação clitoriana para atingir o clímax. Para descobrir o que funciona para você, uma ótima ideia é experimentar diferentes posições e formas de estimulação.

O estímulo correto é fundamental para  a mullher atingir o orgasmo. Ele pode vir de diferentes formas: autoconhecimento sendo a primeira e a mais importante. Claro, as preliminares também são fundamentais, além da boa comunicação entre o casal. Pouco lembradas, as posições sexuais também influenciam, e muito, para facilitar o orgasmo feminino.

Selecionamos as melhores posições para o orgasmo feminino, que irão ajudar você a ter mais prazer, e também dar uma variada na sua rotina e desvendar outros prazeres que você nem imaginou que poderiam existir.

A favorita

No topo da lista está a cow girl – quando a mulher fica por cima do parceiro. Não faltam boas razões. Talvez a mais relevante seja o fato dela permiter que a mulher controle o ritmo e a profundidade da penetração. Muitas vezes, as mulheres se sentem inseguras  durante a penetração com medo de que seja feita com muita força. Enquanto ficam pensando nisso, acabam não relaxando e aí o orgasmo não rola mesmo.  Se você estiver no time das mais envergonhadas – afinal nesta posição seu corpo fica totalmente à mostra -, comece no escurinho do quarto. Provavelmente a experiência vai ser tão boa que, logo logo, você perceberá as demais vantagens desta posição. Por exemplo, esta é uma das poucas posições sexuais em que o casal pode se olhar, trocar carícias e beijos, criando um clima de maior cumplicidade. É também uma das mais versáteis, pois não exige malabarismos já que, além da cama,  é fácil de fazer também em uma cadeira ou no carro, por exemplo. Outra vantagem muito apreciada pelas mulheres é que esta posição permite o uso de sex toys que estimulam o clitóris durante a relação, o que ajuda, e muito, as mulheres chegarem ao orgasmo.

Por falar em clitóris, esta é a parte do corpo da mulher cuja única função é proporcionar prazer. Sabia que mais de 70% dos orgasmos femininos  acontecem pela estimulação do clitóris e não pela penetração?  Isto porque o  clitóris tem mais de 8 mil terminações nervosas (o pênis tem apenas 4 mil!!!), enquanto a vagina tem muito poucas terminações nervosas. Por isso é importante pensar em posições sexuais que facilitam a manipulação do clitórios.  Conheça mais algumas:

Ele em pé, você deitada

Se o sexo na cama está ficando entediante, considere mudar as coisas. Seu parceiro pode ficar em pé em frente à cama enquanto você desliza até a beirada da cama e abre as pernas. Seu parceiro penetra você enquanto está em pé. O ângulo perpendicular tornará seu clitóris mais visível, então será mais fácil para ele – ou para você – tocá-lo. Se quiser, levante um pouco o quadril e coloque as pernas no ombro de seu parceiro para uma penetração ainda mais profunda.

De quatro

Algumas mulheres preferem ser estimuladas por elas mesmas durante o sexo, seja com o uso de vibradores ou com os próprios dedos. Nesta posição, é possível que ocorra um estímulo duplo, com a penetração e o toque no clitóris.

Missionária turbinada

Se você normalmente não tem orgasmo apenas com a penetração, esta pode ser perfeita para você. Comece na posição sexual missionária – de costas e com seu parceiro em cima de você. Faça-o mover o corpo em direção à sua cabeça de modo que a pélvis dele fique ligeiramente mais alta que a sua. Comecem o vai e vem de forma suave, para estimular diretamente o clitóris. Para turbinar as coisas, coloque suas pernas sobre os ombros de seu parceiro. Este novo ângulo permite uma penetração mais profunda.

 A ponte

Comece deitando-se de costas enquanto seu parceiro se ajoelha na sua frente. Ainda de costas, dobre os joelhos e coloque os pés apoiados na cama. Em seguida, arqueie os quadris em direção ao teto para que você faça a ponte até seu parceira. Aí ele pode entrar no espaço entre suas pernas, segurando seus quadris para usá-los como alavanca.

A ponte também é uma ótima posição para introduzir alguma estimulação clitoriana com as mãos ou até mesmo com um vibrador. O Bullet Soft Touch, por exemplo, é pequeno, fácil de usar e fornece vibrações poderosas que podem complementar a posição da ponte perfeitamente.

Conchinha

Além de ser fofa e íntima, já que seu parceiro vai abraçar você, esta é uma das posições mais fáceis para a estimulação dupla. Deite-se de lado com seu parceiro atrás de você, de modo que ambos fiquem voltados para a mesma direção, enquanto empurra seu quadril na direção dele.

Conforme ele penetra você, seu parceiro pode facilmente alcançar e estimular seu clitóris. Para algum estímulo extra, peça a ele para passar suavemente um vibrador em seus pontos favoritos.